TOP Destinos

Compartilhar:

PeruCusco

 
Avalie esse destino:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas

Impossível não associar Cusco a Machu Picchu, um dos destinos mais desejados do mundo. Isso porque, para chegar ao famoso parque arqueológico, uma das sete maravilhas do mundo moderno, praticamente todo mundo para naquela que foi a capital do império inca. E é assim, de forma meio inesperada, que Cusco seduz seus visitantes. A cidade surpreende não só pela riqueza histórica e cultural, mas pelas ótimas opções gastronômicas e de hospedagem.

 

MAP Café

Avenida las Nazarenas 231, Lima, Peru

Instalado no pátio central do Museu de Arte Pré-Colombiano, o restaurante é considerado uma das joias da aclamada alta gastronomia peruana. Um de seus carros-chefe é o canelone de quinoa vermelha e negra ao aroma de trufa branca.

VISITE O SITE
 

Pirqa

Avenida las Nazarenas 231, Lima, Peru

Fica dentro do hotel JW Marriott, no edifício do antigo Convento de San Agustín. Utiliza ingredientes locais, como carne de alpaca, ou a ampla variedade de batatas nativas, para oferecer propostas gastronômicas criativas e de alto nível.

VISITE O SITE
 

Le Soleil

Calle San Agustin 275, Cusco, Peru

Indicado aos amantes da culinária francesa, o restaurante é considerado um dos melhores da cidade. Oferece uma amplíssima e requintada carta de vinhos e mantém um menu dedicado exclusivamente às iguarias mais tradicionais da França.

VISITE O SITE

 

Hotel Monasterio

Calle Palacio 140, Cusco, Peru

No centro de Cusco, em um belíssimo monastério do século 16, o luxuoso hotel tem acomodações variadas e elegantes, três restaurantes e um bar. Obras de arte fazem parte da decoração. Inclui quartos com oxigênio extra para quem sofre com a altitude.

VISITE O SITE
 

Casa Cartagena Boutique Hotel & Spa

Pumacurco 336, Cusco, Peru

O restaurante La Bodega de la Chola é um dos destaques do hotel. Em seu spa, oferece tratamentos com folhas de coca e outros ingredientes locais.

VISITE O SITE
 

Palacio Manco Capac

Lizardo Alzamora Este 260, San Isidro, Lima, Peru

O pequeno e sofisticado cinco estrelas tem restaurante especializado na culinária peruana e oferece aulas de ioga, trilhas e passeios a cavalo pela região. Está a dez minutos a pé da praça central de Cusco e da fortaleza inca de Sacsayhuamán.

VISITE O SITE

  1. Para não esquentar a cabeça durante sua estadia em Cusco, compre com antecedência os ingressos para entrar no Parque Arqueológico Nacional de Machu Picchu. Não importa o meio de transporte, o essencial é garantir as entradas o quanto antes, já que o número de visitantes por dia é limitado.
  2. Ao fazer seu roteiro, deixe Machu Picchu para o final, para criar certo suspense. Para começar a estadia, nada melhor do que explorar lentamente as ruelas de Cusco, principalmente as de San Blas, o bairro dos artesãos.
  3. Aproveite também para visitar a catedral (de estilo renascentista) e o Templo da Companhia de Jesus (barroco andino), localizados na Praça de Armas, a principal da cidade.
  4. Não deixe de ir ao Templo de Koricancha, o santuário mais importante dedicado ao deus Sol durante o império inca. Sobre sua estrutura, os espanhóis construíram o Convento de Santo Domingo, o que faz deste um lugar ainda mais curioso.
  5. Inclua no roteiro a fortaleza inca de Sacsayhuamán, a apenas dois quilômetros da cidade. Seu tamanho e a força que dela emana realmente impressionam.
  6. Reserve pelo menos dois dias para conhecer as incríveis ruínas espalhadas pelo Vale Sagrado dos Incas. Se sua estadia for curta, contrate uma agência para contar com o conforto do traslado e as explicações de um bom guia local.
  7. Não deixe de visitar Tambomachay. Situado a sete quilômetros de Cusco, é um centro arqueológico com uma série de aquedutos, canais e quedas d’água.
  8. Outro lugar imperdível é Pisaq, a 32 quilômetros da cidade, famoso por seu mercado artesanal e por seus sítios arqueológicos.
  9. O complexo arquitetônico de Ollantaytambo, a 97 quilômetros de Cusco, é outra boa pedida para mergulhar ainda mais na história da civilização inca.
  10. Se você gosta de emoções fortes, não perca a chance de fazer rafting no Rio Urubamba. Diversas agências locais e alguns hotéis organizam esse tipo de passeio.

  1. O famoso “soroche”, o mal-estar que a maioria das pessoas sente ao chegar a lugares com altitudes elevadas. Para evitá-lo, descanse no primeiro dia da sua estadia, tome um bom chá de coca, faça refeições leves, ingira bastante água e evite o álcool.
  2. Comprar, comprar e comprar. Quem gosta da arte andina e de objetos multicoloridos vai à loucura nos mercados e lojas da região.
  3. Voltar para casa com um monte de fotos de criancinhas de traços andinos vestindo roupas típicas e, de preferência, ao lado de lhamas.
  4. Ficar emocionado ao chegar a Machu Picchu, apesar das filas e do cansaço de quem madrugou para ver aquela maravilha. Ah: para quem não sabe: Machu Picchu fica muito abaixo (em altitude) de Cusco.
  5. Fazer uma selfie da vista Casa do Guardião, a clássica imagem da cidade inca com a montanha de Wayna Picchu ao fundo.

Alegre, colorida e hospitaleira, Cusco é mais que um ponto de partida para visitar Machu Picchu e o Vale Sagrado dos Incas. Declarada Patrimônio Cultural da Humanidade em 1983, seu conjunto arquitetônico impressiona pela mistura entre construções coloniais e muros incas. Por ser uma cidade tão singular, atrai gente de todo o mundo, o que lhe confere um ar ainda mais eclético e vibrante.

Não perca a oportunidade de conhecer um pouco da aclamada gastronomia peruana. Para começar, reserve algumas horas para visitar mercados (como o de San Pedro, em Cusco) e se deliciar com a profusão de aromas, cores e sabores da produção agrícola local. À mesa, atreva-se a experimentar pratos feitos com ingredientes nativos e  surpreenda-se com essa cozinha, que está conquistando chefs célebres, como os espanhóis Ferrán Adriá e Juan Mari Arzak.

Cultura

Gastronomia

MAP Café

Avenida las Nazarenas 231, Lima, Peru

Pirqa

Avenida las Nazarenas 231, Lima, Peru

Le Soleil

Calle San Agustin 275, Cusco, Peru

Hospedagem

Hotel Monasterio

Calle Palacio 140, Cusco, Peru

Casa Cartagena Boutique Hotel & Spa

Pumacurco 336, Cusco, Peru

Palacio Manco Capac

Lizardo Alzamora Este 260, San Isidro, Lima, Peru

Noite

Consumo

Esportes

Música

Pontos Turísticos

10 coisas que você deve fazer

  1. Para não esquentar a cabeça durante sua estadia em Cusco, compre com antecedência os ingressos para entrar no Parque Arqueológico Nacional de Machu Picchu. Não importa o meio de transporte, o essencial é garantir as entradas o quanto antes, já que o número de visitantes por dia é limitado.
  2. Ao fazer seu roteiro, deixe Machu Picchu para o final, para criar certo suspense. Para começar a estadia, nada melhor do que explorar lentamente as ruelas de Cusco, principalmente as de San Blas, o bairro dos artesãos.
  3. Aproveite também para visitar a catedral (de estilo renascentista) e o Templo da Companhia de Jesus (barroco andino), localizados na Praça de Armas, a principal da cidade.
  4. Não deixe de ir ao Templo de Koricancha, o santuário mais importante dedicado ao deus Sol durante o império inca. Sobre sua estrutura, os espanhóis construíram o Convento de Santo Domingo, o que faz deste um lugar ainda mais curioso.
  5. Inclua no roteiro a fortaleza inca de Sacsayhuamán, a apenas dois quilômetros da cidade. Seu tamanho e a força que dela emana realmente impressionam.
  6. Reserve pelo menos dois dias para conhecer as incríveis ruínas espalhadas pelo Vale Sagrado dos Incas. Se sua estadia for curta, contrate uma agência para contar com o conforto do traslado e as explicações de um bom guia local.
  7. Não deixe de visitar Tambomachay. Situado a sete quilômetros de Cusco, é um centro arqueológico com uma série de aquedutos, canais e quedas d’água.
  8. Outro lugar imperdível é Pisaq, a 32 quilômetros da cidade, famoso por seu mercado artesanal e por seus sítios arqueológicos.
  9. O complexo arquitetônico de Ollantaytambo, a 97 quilômetros de Cusco, é outra boa pedida para mergulhar ainda mais na história da civilização inca.
  10. Se você gosta de emoções fortes, não perca a chance de fazer rafting no Rio Urubamba. Diversas agências locais e alguns hotéis organizam esse tipo de passeio.

5 coisas que você não pode evitar

  1. O famoso “soroche”, o mal-estar que a maioria das pessoas sente ao chegar a lugares com altitudes elevadas. Para evitá-lo, descanse no primeiro dia da sua estadia, tome um bom chá de coca, faça refeições leves, ingira bastante água e evite o álcool.
  2. Comprar, comprar e comprar. Quem gosta da arte andina e de objetos multicoloridos vai à loucura nos mercados e lojas da região.
  3. Voltar para casa com um monte de fotos de criancinhas de traços andinos vestindo roupas típicas e, de preferência, ao lado de lhamas.
  4. Ficar emocionado ao chegar a Machu Picchu, apesar das filas e do cansaço de quem madrugou para ver aquela maravilha. Ah: para quem não sabe: Machu Picchu fica muito abaixo (em altitude) de Cusco.
  5. Fazer uma selfie da vista Casa do Guardião, a clássica imagem da cidade inca com a montanha de Wayna Picchu ao fundo.

O que há de especial

Alegre, colorida e hospitaleira, Cusco é mais que um ponto de partida para visitar Machu Picchu e o Vale Sagrado dos Incas. Declarada Patrimônio Cultural da Humanidade em 1983, seu conjunto arquitetônico impressiona pela mistura entre construções coloniais e muros incas. Por ser uma cidade tão singular, atrai gente de todo o mundo, o que lhe confere um ar ainda mais eclético e vibrante.

TOP

Não perca a oportunidade de conhecer um pouco da aclamada gastronomia peruana. Para começar, reserve algumas horas para visitar mercados (como o de San Pedro, em Cusco) e se deliciar com a profusão de aromas, cores e sabores da produção agrícola local. À mesa, atreva-se a experimentar pratos feitos com ingredientes nativos e  surpreenda-se com essa cozinha, que está conquistando chefs célebres, como os espanhóis Ferrán Adriá e Juan Mari Arzak.

  •   Todos

  •   Cultura

  •   Gastronomia

  •   Hospedagem

  •   Noite

  •   Consumo

  •   Esporte

  •   Música

  •   Pontos
    turísticos
Avalie esse destino:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas

Instagram

Marque suas fotos com a localização e a hashtag #topdestinos para aparecer no nosso mural.

Leia Também

 

Viena

 

Viena

O Danúbio nunca foi tão azul, mas a música continua embalando a cidade. Ainda hoje celebram-se mais de 400 bailes de gala na capital da valsa, tradição introduzida pela dinastia dos Habsburg. A concorrida Ópera,…

 

Santiago de Compostela

 

Santiago de Compostela

Quem já esteve em Santiago de Compostela sabe que sempre será indagado sobre o roteiro que fez para chegar lá. Foi a pé ou de bicicleta? Partiu da Espanha, da França ou de Portugal? A…

 

Marrakech

 

Marrakech

Um país que tem um pedaço no Saara, outro no Mediterrâneo e outro no Atlântico só pode ser muito especial. O Marrocos já sofreu sua cota pela posição privilegiada – sua história de guerras e…

  •   Todos

  •   Cultura

  •   Gastronomia

  •   Hospedagem

  •   Noite

  •   Consumo

  •   Esporte

  •   Música

  •   Pontos
    turísticos