TOP Destinos

Compartilhar:

GréciaMykonos

 
Avalie esse destino:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas

As praias, os restaurantes, as mais de 300 igrejinhas, suas ruas de pedra que formam labirintos, as casinhas brancas com varandas floridas, as pessoas que a frequentam, tudo é lindo em Mykonos. A “ilha branca” parece que foi escolhida pelos deuses gregos. Lá todo mundo é feliz, bronzeado e curte a vida. Talvez por isso a energia da ilha seja tão intensa. Talvez por isso Grace Kelly, Mick Jagger, Burton e Taylor, Mia Farrow e Rudolf Nureyev elegeram a ilha como seu get-away preferido. Então, se joga porque Mykonos é sempre inesquecível. É greek-chic.

 

Spilia Seaside

Spilia Restaurant, Mikonos, Greece

Spilia em grego significa caverna, e você vai entender o significado ao chegar lá. O restaurante fica numa gruta de pedra natural, na praia de Agia Anna, quase em cima do mar. Tem uma vista incrível para o mar e uma piscina de pedra natural no meio do restaurante, onde ficam os peixes, camarões, lagostas, polvos, ostras e ouriços que são escolhidos pelos chefs momentos antes de preparar os pratos.

VISITE O SITE
 

Jackie O’

Jackie O’ Beach Club & Restaurant, Mikonos, Greece

Um beachclub de luxo em Super Paradise, megaexclusivo. Tem camas na praia, ombrelones de palha e uma área com piscina e restaurante que convida os visitantes a passarem o dia todo bebericando e saboreando petiscos enquanto curtem o sol e os shows ao vivo.

VISITE O SITE
 

Nammos

Nammos, Praia Psarou, Mykonos

Nammos é a resposta grega para os clubes de praia mais chiques de St. Tropez. É o ponto de encontro perfeito para um almoço demorado, que segue com o nascer da lua. Os frutos do mar são uma ótima pedida e uma cadeira de praia na areia na Psarou Beach é o local perfeito para um drink pós-almoço.

VISITE O SITE
 

Caprice

Caprice of Mykonos, Mikonos, Mykonos, Greece

O Caprice foi eleito pela "Newsweek" um dos 10 melhores bares do mundo. Ele fica em Little Venice, de frente para o mar e tem uma arquitetura e uma decoração bem tradicional de Mykonos, com muito branco e azul claro, enormes arranjos de flores coloridas em vasos de barro, pinturas nas paredes e espelhos. Turistas e moradores se encontram no Caprice para curtir o pôr-do-sol, que é sempre comemorado com brindes e músicas especiais, que tornam o lugar ainda mais aconchegante e mágico. É um dos bares mais antigos (tem 30 anos!) e calientes da ilha.

VISITE O SITE

 

Belvedere Hotel

Belvedere Boutique Hotel Mykonos, Mikonos, Greece

Quem não gosta de comer sushi ao ar livre à beira da piscina à luz de velas e da lua? Lá é possível, até porque é no Belvedere que o famoso restaurante Nobu, de Londres, se instalou. No verão o hotel-boutique faz festas badaladas como a White Party, e convida djs famosos para tocar animar o jet-set bronzeado. Os quartos têm uma decoração clean, branca, com objetos de arte. Os donos, Nikko e Tasso, adoram o Brasil e têm muitos amigos brasileiros.

VISITE O SITE
 

Bill & Coo

Bill And Coo Suites And Lounge, Mikonos, Greece

Suítes brancas e azuis espaçosas, terraços privês de frente para o mar com espreguiçadeiras e jacuzzis, perfeitas para um relax ao pôr-do-sol. Tem um bar-lounge na beira da piscina, onde são servidos mojitos e outros drinks até o amanhecer.

VISITE O SITE
 

Myconian Ambassador

Platis Gialos, 846 00, Mikonos, Grecia

O Relais & Châteaux de Mykonos combina design contemporâneo com a arquitetura típica da ilha. Tem quartos luxuosos, piscina com borda infinita e um terraço espetacular com vista para o mar Egeu.

VISITE O SITE

 

  1. Alugar uma scooter para passear sem medo nas estradinhas sinuosas e explorar as praias mais escondidas e desertas como Megalli Ammos, Platis Gialos, Ornos, Psarou, todas com águas claras e areias douradas.

    Resultado de imagem para petros mykonos
  2. Procurar Petros, o pelicano mascote da ilha. Ele circula pelas ruelas de Chora, o centro da cidade e é o Mickey Mouse de Mykonos.
  3. Passar o dia e jantar ao ar livre na praia de Psarou, para assistir ao pôr-do-sol e o nascer da lua junto com pessoas amigáveis, comida saborosa.
    Resultado de imagem para moinho mykonos
  4. Tirar mil fotos nos moinhos de vento, o cartão-de-visita da cidade. Os moinhos foram construídos pelos venezianos no século XVI e, apesar de um pouco ‘detonados’ deixam a paisagem poética.
  5. Assistir ao pôr-do-sol no bairro de Little Venice, na ruazinha que beira o mar. As casas que foram construídas no século XVI ficam quase que penduradas sobre o mar. Dizem que foram erguidas pelos piratas para descarregar os produtos. Após tantos anos sofrendo com ventos e ondas, ainda é um mistério como permanecem inteiras.
  6. Entrar em várias igrejinhas espalhadas pela ilha e sentir o frescor que há dentro dessas construções do século XV. A mais fotografada de todas é a Panagia Paraportiani, em Chora, que começou a ser construída em 1425 e só foi concluída no século 17. São cinco mini-igrejas interligadas.
  7. Visitar o Museu Arqueológico, que guarda os vasos, esculturas, obras e os túmulos descobertos na ilha vizinha de Rhenia.
  8. Caminhar à noite, a esmo, pelas ruas de Chora e entrar nos vários bares para tomar uns shots.
  9. Ir até Ano Mera, um vilarejo a oito quilômetros do centro, mais tranquilo, onde estão as praias mais badaladas da ilha, como Paradise, Super Paradise. A música dos bares de praia faz a praia virar uma festa ao ar livre.
  10. Passear de barco até a histórica Ilha de Delos, santuário dos deuses Apolo e Artemis, onde há ruínas do século VIII a. C., como o grande anfiteatro.

Resultado de imagem para mykonos charming streets

  1. As ruas são de pedra rústica e em Mykonos, se caminha muito pelas vielas. Portanto, salto alto e sapatos desconfortáveis têm que ser evitados.
  2. Em julho a ilha lota, a música dos bares se confundem, há trânsito nas praias, espreguiçadeiras são disputadas. O auge da temporada é caótico.
  3. Em agosto o vento é forte e constante, e fica mais intenso quando o sol se põe.
  4. O dracma era uma das moedas mais antigas do mundo e, com a chegada do euro, os gregos se embananaram. Tudo ficou muito, muito caro.
  5. Mykonos é um destino de verão. E só no verão. Do final de outubro até maio, nada acontece e muitas lojas e restaurantes fecham para abrir somente na alta temporada (junho-outubro).

Mykonos era uma ilha pacata até meados de 1950 quando foi descoberta por um grupo de jovens gregos e ricos que só queriam se divertir. Mas o charme e o glamour só vieram mesmo depois dos anos 60, quando Jackie Onassis visitou a região abrindo a ilha para o jet-set internacional que por ali se instalou, com seus iates, festas, champanhes e jóias. Hoje a ilha continua a receber os mesmos turistas festeiros e bronzeados que curtem diversão, boa gastronomia, praia e festas sem limites. Junho e setembro são os melhores meses para visitar. Agosto é um caos.

 

Resultado de imagem para cavo paradiso

CAVO PARADISO
O night club mais colorido de Mykonos fica a 300 metros da Praia de Paradise, encrustrado nas pedras acima do mar Egeu. Abre à 0h e segue até o nascer do sol. A balada segue solta, com djs internacionais tocando até muito depois do raiar do dia. Para aguentar o calor da noitada e do amanhecer, muita gente dança dentro da piscina de pedra natural. Abre de maio a agosto.
Paradise Beach, Mykonos Town (+30 22890 27205; www.cavoparadiso.gr)

Cultura

Gastronomia

Spilia Seaside

Spilia Restaurant, Mikonos, Greece

Jackie O’

Jackie O’ Beach Club & Restaurant, Mikonos, Greece

Nammos

Nammos, Praia Psarou, Mykonos

Caprice

Caprice of Mykonos, Mikonos, Mykonos, Greece

Hospedagem

Belvedere Hotel

Belvedere Boutique Hotel Mykonos, Mikonos, Greece

Bill & Coo

Bill And Coo Suites And Lounge, Mikonos, Greece

Myconian Ambassador

Platis Gialos, 846 00, Mikonos, Grecia

Noite

Consumo

Esportes

Música

Pontos Turísticos

10 coisas que você deve fazer

 

  1. Alugar uma scooter para passear sem medo nas estradinhas sinuosas e explorar as praias mais escondidas e desertas como Megalli Ammos, Platis Gialos, Ornos, Psarou, todas com águas claras e areias douradas.

    Resultado de imagem para petros mykonos
  2. Procurar Petros, o pelicano mascote da ilha. Ele circula pelas ruelas de Chora, o centro da cidade e é o Mickey Mouse de Mykonos.
  3. Passar o dia e jantar ao ar livre na praia de Psarou, para assistir ao pôr-do-sol e o nascer da lua junto com pessoas amigáveis, comida saborosa.
    Resultado de imagem para moinho mykonos
  4. Tirar mil fotos nos moinhos de vento, o cartão-de-visita da cidade. Os moinhos foram construídos pelos venezianos no século XVI e, apesar de um pouco ‘detonados’ deixam a paisagem poética.
  5. Assistir ao pôr-do-sol no bairro de Little Venice, na ruazinha que beira o mar. As casas que foram construídas no século XVI ficam quase que penduradas sobre o mar. Dizem que foram erguidas pelos piratas para descarregar os produtos. Após tantos anos sofrendo com ventos e ondas, ainda é um mistério como permanecem inteiras.
  6. Entrar em várias igrejinhas espalhadas pela ilha e sentir o frescor que há dentro dessas construções do século XV. A mais fotografada de todas é a Panagia Paraportiani, em Chora, que começou a ser construída em 1425 e só foi concluída no século 17. São cinco mini-igrejas interligadas.
  7. Visitar o Museu Arqueológico, que guarda os vasos, esculturas, obras e os túmulos descobertos na ilha vizinha de Rhenia.
  8. Caminhar à noite, a esmo, pelas ruas de Chora e entrar nos vários bares para tomar uns shots.
  9. Ir até Ano Mera, um vilarejo a oito quilômetros do centro, mais tranquilo, onde estão as praias mais badaladas da ilha, como Paradise, Super Paradise. A música dos bares de praia faz a praia virar uma festa ao ar livre.
  10. Passear de barco até a histórica Ilha de Delos, santuário dos deuses Apolo e Artemis, onde há ruínas do século VIII a. C., como o grande anfiteatro.

5 coisas que você não pode evitar

Resultado de imagem para mykonos charming streets

  1. As ruas são de pedra rústica e em Mykonos, se caminha muito pelas vielas. Portanto, salto alto e sapatos desconfortáveis têm que ser evitados.
  2. Em julho a ilha lota, a música dos bares se confundem, há trânsito nas praias, espreguiçadeiras são disputadas. O auge da temporada é caótico.
  3. Em agosto o vento é forte e constante, e fica mais intenso quando o sol se põe.
  4. O dracma era uma das moedas mais antigas do mundo e, com a chegada do euro, os gregos se embananaram. Tudo ficou muito, muito caro.
  5. Mykonos é um destino de verão. E só no verão. Do final de outubro até maio, nada acontece e muitas lojas e restaurantes fecham para abrir somente na alta temporada (junho-outubro).

Sobre

Mykonos era uma ilha pacata até meados de 1950 quando foi descoberta por um grupo de jovens gregos e ricos que só queriam se divertir. Mas o charme e o glamour só vieram mesmo depois dos anos 60, quando Jackie Onassis visitou a região abrindo a ilha para o jet-set internacional que por ali se instalou, com seus iates, festas, champanhes e jóias. Hoje a ilha continua a receber os mesmos turistas festeiros e bronzeados que curtem diversão, boa gastronomia, praia e festas sem limites. Junho e setembro são os melhores meses para visitar. Agosto é um caos.

 

TOP

Resultado de imagem para cavo paradiso

CAVO PARADISO
O night club mais colorido de Mykonos fica a 300 metros da Praia de Paradise, encrustrado nas pedras acima do mar Egeu. Abre à 0h e segue até o nascer do sol. A balada segue solta, com djs internacionais tocando até muito depois do raiar do dia. Para aguentar o calor da noitada e do amanhecer, muita gente dança dentro da piscina de pedra natural. Abre de maio a agosto.
Paradise Beach, Mykonos Town (+30 22890 27205; www.cavoparadiso.gr)

  •   Todos

  •   Cultura

  •   Gastronomia

  •   Hospedagem

  •   Noite

  •   Consumo

  •   Esporte

  •   Música

  •   Pontos
    turísticos
Avalie esse destino:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas

Instagram

Marque suas fotos com a localização e a hashtag #topdestinos para aparecer no nosso mural.

Leia Também

 

Edimburgo

 

Edimburgo

As colinas e planícies de Edimburgo testemunharam séculos de batalhas e conquistas. A capital dos escoceses, hoje uma das metrópoles mais tranquilas do mundo, expõe com orgulho seu esqueleto romano, a estrutura medieval e os…

 

Toronto

 

Toronto

Toronto fica junto ao Lago Ontário e atrai pessoas de todas as partes do mundo, que ali não só passam férias, mas, também, a escolhem para viver. Bairros típicos como Chinatown, Little Italy, Greektown, Little…

 

Cancún

 

Cancún

São mais de 20 km de praias tipicamente caribenhas – ou seja, com aquela areia branquinha fazendo par com o marzão turquesa – que contornam uma ilha, com uma lagoa no meio, e são servidas…

  •   Todos

  •   Cultura

  •   Gastronomia

  •   Hospedagem

  •   Noite

  •   Consumo

  •   Esporte

  •   Música

  •   Pontos
    turísticos