TOP Destinos

Compartilhar:

San FranciscoSan Francisco

 
Avalie esse destino:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas

Apenas a quarta maior cidade da Califórnia – tem pouco mais de 800 mil habitantes -, San Francisco dá de goleada nas rivais. O leque de atrações culturais, gastronômicas, tecnológicas, de compras e lazer é de fazer inveja a qualquer cidade do mundo. Com a vantagem de um permanente  clima de férias que parece tomar conta até dos habitantes.

 

Restaurant Gary Danko

800 North Point Street, São Francisco, CA, Estados Unidos

O chef Danko continua mantendo em alto nível o seu restaurante, premiado por diversas publicações e integrante do Guia Michelin. Ele combina a clássica culinária francesa com o uso inventivo de ingredientes locais.

VISITE O SITE
 

The Foreign Cinema

2534 Mission St, São Francisco, CA, Estados Unidos

O serviço começa às 17h30, neste restaurante bonito e tranquilo. Aproveite o bar, com ostras frescas de variadas procedências e vinhos por taça. Para jantar, escolha uma mesa no pátio e assista junto a um dos filmes da descolada programação.

VISITE O SITE
 

Chez Maman

1401 18th St, San Francisco, CA 94107, Estados Unidos

Cozinha francesa informal, em Hayes Valley, com crepes, pratos de queijo, saladas e os indefectíveis hambúrgueres. Também tem vinho em taça. Serviço ininterrupto e você pode escolher entre o balcão, o salão ou as mesas na calçada.

VISITE O SITE

 

The St. Regis San Francisco

125 3rd Street, San Francisco, CA, Estados Unidos

Bem próximo da Union Square, o luxuoso hotel tem acomodações amplas, spa, fitness center e piscina. E dois restaurantes: o Grill serve carnes e peixes grelhados, além de búrgers e ostras; o Vitrine aposta em receitas locais, com ingredientes orgânicos.

VISITE O SITE
 

Argonaut Hotel

495 Jefferson Street, São Francisco, CA, Estados Unidos

Como o próprio nome sugere, motivos náuticos dão o tom ao hotel, que também se inspirou na corrida do ouro. O edifício de tijolos expostos, de 1907, tem localização privilegiada, o Fisherman’s Wharf, à beira da baía.

VISITE O SITE
 

Clift

495 Geary St, São Francisco, CA, Estados Unidos

Parte do patrimônio histórico e afetivo da cidade, o Clift, de 1915, foi o primeiro construído para sobreviver a incêndios e terremotos. Transformado em hotel-butique, tem restaurante, bar, sala de ginástica e businnes center. Fica na área central.

VISITE O SITE

  1. San Francisco pulsa na Union Square. No coração da cidade, fervilha o dia todo, com suas lojas de departamento – a Macy’s é uma delas -, joalherias, galerias de arte e teatros. Por ela passa o cable car, o famoso bondinho símbolo da cidade.
  2. Tem menos de três quilômetros e uma fama sem medida. A Golden Gate, com sua forte cor laranja, liga San Francisco ao condado de Marin, ao norte. Há um cruzeiro de uma hora, que passa perto de Alcatraz e sob a ponte.
  3. Não só a ponte merece atenção. O Golden Gate Park, o terceiro mais visitado dos EUA, tem lagos, aquários, estufas, o espetacular jardim japonês e o Young Museum of Fine Arts, de onde se tem uma bela vista da cidade.
  4. Sausalito, com suas lojinhas e restaurantes, do outro lado da Golden Gate, pede passagem num dia de sol. Ande pelo calçadão, tome um sorvete e curta a linda vista. Para terminar, suba ao mirante do parque Marin Headlands, de onde se vê a ponte guardando a entrada da Baía de San Francisco.
  5. Amantes de vinho devem dedicar pelo menos um dia para percorrer algumas das vinícolas do Napa Valley, a 100 km de San Francisco. O ideal seria gastar uns dias fazendo o circuito e comparando restaurantes, mas um bate-volta já dá para matar a vontade.
  6. Al Capone foi um de seus mais ilustres hóspedes e ajudou a aumentar a fama de Alcatraz. A penitenciária, que fica numa ilhota a 2,5 km de San Francisco, foi desativada em 1963 e virou uma das atrações pops da cidade.
  7. Conhecer a região de Height-Ashbury, berço do movimento hippie e o famoso bairro chamado Castro, o primeiro grande reduto homossexual dos Estados Unidos, cheio de lojinhas e galerias.
  8. É um retrato da San Francisco cosmopolita e movimentada. No Fisherman’s Wharf, o cais do pescador, o Píer 39 e a Ghirardelli Square, com seus restaurantes, sorveterias e lojinhas, estão sempre lotados.
  9. Bairro icônico da cidade, Chinatown é um verdadeiro labirinto, com suas 24 quadras abarrotadas de restaurantes, lojas, mercados, muitos chineses e turistas. A Clement Street, com características semelhantes, começa a ganhar espaço.
  10. Quem não viu e curtiu em vários filmes rodados em San Francisco aquela descida cheia de curvas e recheada de flores? É a Lombard Street, a rua mais torta do mundo. Era ainda mais íngreme até a construção de oito curvas fechadas em zigue-zague.

1. A sensação de estar em um filme ao fazer um city-tour de cable car, o famoso bondinho? A Powell-Hyde e a Powell-Mason são as linhas favoritas dos visitantes. A primeira vai até o Aquatic Park, bem perto da Ghirardelli Square, e passa pela Lombard Street. A Mason vai até o meio do Fisherman’s Wharf. Uma dica: vá por uma e volte pela outra.

2. A impressão de estar no Oriente. San Francisco é a porta de entrada dos emigrantes chineses (e seus vizinhos) que definiram parte da cultura e do comportamento da cidade.

3. A lembrança dos terremotos, sempre aguardados. A cidade fica sobre a falha de San Andres e está sempre à espera do próximo tremor. Porém, é uma das mais bem preparadas do mundo para esse tipo de impacto.

4. O frio, sempre presente. O escritor Jack London disse, certa vez que o pior inverno de sua vida “foi um verão em San Francisco).

5. Nem tente usar automóvel. As ruas estreitas não tem lugar para carros. E se você parar os famosos cinco minutinhos, seu carro será guinchado com certeza.

Quanto mais tempo você ficar, mais aproveitará. Até parece que as novidades não se esgotam. Tem bondinhos únicos, casas em estilo vitoriano, ladeiras, pontes, museus, restaurantes incríveis, lojinhas simpáticas em todos os cantos, hotéis que abrigariam toda a população, se necessário, e a baía, que reúne o que há de mais gostoso na cidade. Não economize São Francisco – e ninguém está falando de dinheiro.

Bem maior que o Napa Valley, mas não tão famoso, o vale do Sonoma tem, porém, um trunfo: a vinícola de Francis Ford Coppola. E não é só a fama do diretor de “O Poderoso Chefão” que faz do local um dos mais visitados. Ele é perfeito para adultos e crianças, pois tem piscina e aluga cabanas para se aproveitar o dia inteiro. Os vinhos, de ótima qualidade, podem ser bebericados à beira da piscina, o que não é nada mau.

Cultura

Gastronomia

Restaurant Gary Danko

800 North Point Street, São Francisco, CA, Estados Unidos

The Foreign Cinema

2534 Mission St, São Francisco, CA, Estados Unidos

Chez Maman

1401 18th St, San Francisco, CA 94107, Estados Unidos

Hospedagem

The St. Regis San Francisco

125 3rd Street, San Francisco, CA, Estados Unidos

Argonaut Hotel

495 Jefferson Street, São Francisco, CA, Estados Unidos

Clift

495 Geary St, São Francisco, CA, Estados Unidos

Noite

Consumo

Esportes

Música

Pontos Turísticos

10 coisas que você deve fazer

  1. San Francisco pulsa na Union Square. No coração da cidade, fervilha o dia todo, com suas lojas de departamento – a Macy’s é uma delas -, joalherias, galerias de arte e teatros. Por ela passa o cable car, o famoso bondinho símbolo da cidade.
  2. Tem menos de três quilômetros e uma fama sem medida. A Golden Gate, com sua forte cor laranja, liga San Francisco ao condado de Marin, ao norte. Há um cruzeiro de uma hora, que passa perto de Alcatraz e sob a ponte.
  3. Não só a ponte merece atenção. O Golden Gate Park, o terceiro mais visitado dos EUA, tem lagos, aquários, estufas, o espetacular jardim japonês e o Young Museum of Fine Arts, de onde se tem uma bela vista da cidade.
  4. Sausalito, com suas lojinhas e restaurantes, do outro lado da Golden Gate, pede passagem num dia de sol. Ande pelo calçadão, tome um sorvete e curta a linda vista. Para terminar, suba ao mirante do parque Marin Headlands, de onde se vê a ponte guardando a entrada da Baía de San Francisco.
  5. Amantes de vinho devem dedicar pelo menos um dia para percorrer algumas das vinícolas do Napa Valley, a 100 km de San Francisco. O ideal seria gastar uns dias fazendo o circuito e comparando restaurantes, mas um bate-volta já dá para matar a vontade.
  6. Al Capone foi um de seus mais ilustres hóspedes e ajudou a aumentar a fama de Alcatraz. A penitenciária, que fica numa ilhota a 2,5 km de San Francisco, foi desativada em 1963 e virou uma das atrações pops da cidade.
  7. Conhecer a região de Height-Ashbury, berço do movimento hippie e o famoso bairro chamado Castro, o primeiro grande reduto homossexual dos Estados Unidos, cheio de lojinhas e galerias.
  8. É um retrato da San Francisco cosmopolita e movimentada. No Fisherman’s Wharf, o cais do pescador, o Píer 39 e a Ghirardelli Square, com seus restaurantes, sorveterias e lojinhas, estão sempre lotados.
  9. Bairro icônico da cidade, Chinatown é um verdadeiro labirinto, com suas 24 quadras abarrotadas de restaurantes, lojas, mercados, muitos chineses e turistas. A Clement Street, com características semelhantes, começa a ganhar espaço.
  10. Quem não viu e curtiu em vários filmes rodados em San Francisco aquela descida cheia de curvas e recheada de flores? É a Lombard Street, a rua mais torta do mundo. Era ainda mais íngreme até a construção de oito curvas fechadas em zigue-zague.

5 coisas que você não pode evitar

1. A sensação de estar em um filme ao fazer um city-tour de cable car, o famoso bondinho? A Powell-Hyde e a Powell-Mason são as linhas favoritas dos visitantes. A primeira vai até o Aquatic Park, bem perto da Ghirardelli Square, e passa pela Lombard Street. A Mason vai até o meio do Fisherman’s Wharf. Uma dica: vá por uma e volte pela outra.

2. A impressão de estar no Oriente. San Francisco é a porta de entrada dos emigrantes chineses (e seus vizinhos) que definiram parte da cultura e do comportamento da cidade.

3. A lembrança dos terremotos, sempre aguardados. A cidade fica sobre a falha de San Andres e está sempre à espera do próximo tremor. Porém, é uma das mais bem preparadas do mundo para esse tipo de impacto.

4. O frio, sempre presente. O escritor Jack London disse, certa vez que o pior inverno de sua vida “foi um verão em San Francisco).

5. Nem tente usar automóvel. As ruas estreitas não tem lugar para carros. E se você parar os famosos cinco minutinhos, seu carro será guinchado com certeza.

O que há de especial

Quanto mais tempo você ficar, mais aproveitará. Até parece que as novidades não se esgotam. Tem bondinhos únicos, casas em estilo vitoriano, ladeiras, pontes, museus, restaurantes incríveis, lojinhas simpáticas em todos os cantos, hotéis que abrigariam toda a população, se necessário, e a baía, que reúne o que há de mais gostoso na cidade. Não economize São Francisco – e ninguém está falando de dinheiro.

TOP

Bem maior que o Napa Valley, mas não tão famoso, o vale do Sonoma tem, porém, um trunfo: a vinícola de Francis Ford Coppola. E não é só a fama do diretor de “O Poderoso Chefão” que faz do local um dos mais visitados. Ele é perfeito para adultos e crianças, pois tem piscina e aluga cabanas para se aproveitar o dia inteiro. Os vinhos, de ótima qualidade, podem ser bebericados à beira da piscina, o que não é nada mau.

  •   Todos

  •   Cultura

  •   Gastronomia

  •   Hospedagem

  •   Noite

  •   Consumo

  •   Esporte

  •   Música

  •   Pontos
    turísticos
Avalie esse destino:
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas

Instagram

Marque suas fotos com a localização e a hashtag #topdestinos para aparecer no nosso mural.

Leia Também

 

Fernando de Noronha

 

Fernando de Noronha

  Baía do Sancho A Baía do Sancho, com suas inacreditáveis águas cristalinas, é a favorita de muitos. Outros preferem a Baía dos Porcos, que tem piscinas naturais e os morros Dois Irmãos bem em…

 

Jerusalém

 

Jerusalém

Um alerta: Jerusalém pode provocar tontura. É tanta história, tanta prece, tantos aromas e tanta beleza que os sentidos podem ficar atrapalhados. Mas no bom sentido. Uma das cidades mais antigas da humanidade, fundada no…

 

Cusco

 

Cusco

Impossível não associar Cusco a Machu Picchu, um dos destinos mais desejados do mundo. Isso porque, para chegar ao famoso parque arqueológico, uma das sete maravilhas do mundo moderno, praticamente todo mundo para naquela que…

  •   Todos

  •   Cultura

  •   Gastronomia

  •   Hospedagem

  •   Noite

  •   Consumo

  •   Esporte

  •   Música

  •   Pontos
    turísticos